CHAMADA FUNDECT Nº 34/2022 – BIODIVERSA+ 2022/2023

Postado por: Nathalie de Oliveira Arakaki
Logos – FUNDECT CONFAP - YouTube Identidade Visual – SEMAGRO

CHAMADA FUNDECT Nº 34/2022 – BIODIVERSA+ 2022/2023 Apoio à biodiversidade e proteção dos ecossistemas terrestres e marítimos 

A Fundação de Apoio ao Desenvolvimento do Ensino, Ciência e Tecnologia do Estado de Mato Grosso do Sul (Fundect), em parceria com o Conselho Nacional das Fundações de Amparo a Pesquisas Brasileiras (CONFAP) e Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq), a partir da Chamada Transnacional Conjunta Biodiversa+ 2022-2023/ BiodivMon, publicada pelo CONFAP, torna pública a CHAMADA FUNDECT Nº 34/2022 – BIODIVERSA+ 2022/2023, com objetivo de apoiar o monitoramento transnacional da biodiversidade e mudanças nos ecossistemas para a ciência e a sociedade.

As pré-propostas deverão ser enviadas à plataforma do BiodivERsA  por meio da Internet, até o dia 09 de novembro de 2022, O resultado final será divulgado após abril de 2023.

A Chamada Transnacional Conjunta Biodiversa+ 2022-2023/ BiodivMon busca apoiar projetos de pesquisa transnacionais, com duração de 3 anos, abordando um ou mais dos três (não exclusivos) temas abaixo:

 TEMA 1 – Inovação e harmonização de métodos e ferramentas para coleta e gestão de dados de monitoramento da biodiversidade; 

TEMA 2 – Abordando as lacunas de conhecimento sobre o status da biodiversidade, dinâmica e tendências para reverter a perda de biodiversidade;

 TEMA 3 – Aproveitando os dados disponíveis de monitoramento da biodiversidade.

Cada proposta poderá solicitar o recurso máximo de R$ 130.000,00 (cento e trinta mil reais).

São elegíveis a participação neste edital:

  1. Na qualidade coordenador, o responsável pela apresentação da proposta deverá, obrigatoriamente:
  1. ser o coordenador principal da proposta;
  2.  possuir título de doutorado; 
  3. ser brasileiro nato, naturalizado ou estrangeiro que esteja em situação regular no país; 
  4.  residir no Estado de Mato Grosso do Sul; 
  5. possuir cadastro atualizado no sistema SIGFUNDECT (https://sigfundect.ledes.net/); 
  6. possuir curriculum vitae cadastrado na Plataforma Lattes (CNPq);
  7.  possuir vínculo empregatício (celetista ou estatutário) com instituições de ensino superior (IES) e/ou de pesquisa sediadas no Estado de Mato Grosso do Sul, as quais figurarão no termo de outorga como intervenientes. É reservado à FUNDECT o direito de solicitar, se julgar necessário, documentos que comprovem a atuação legal da instituição em atividades de pesquisa científica e tecnológica;
  8.  não ser professor/pesquisador substituto, visitante ou DCR (Desenvolvimento Científico Regional); 
  9. não possuir qualquer restrição/pendência com o Estado de Mato Grosso do Sul e com a União no momento de formalizar o termo de outorga;
  10.  não possuir qualquer restrição/pendência com a Fundect no momento de envio da proposta pelo Sigfundect; 
  11. não possuir qualquer restrição com as fazendas Públicas (Municipal, Estadual e Federal) no momento da formalização do Termo de Outorga. 

 

A Propp recomenda a leitura atenta da chamada pública para conhecimento dos critérios de participação e outros detalhes.

Para mais informações, acesse a íntegra do edital abaixo.

Download (PDF, 542KB)

,